fbpx
Neurovagos Saúde Bem estar Neurologia Neurofisiologia Pediatria

Hoje celebra-se o Dia Mundial da Prematuridade!

O artigo de hoje foi escrito pela nossa Pediatra, Drª Flávia Belinha, com o intuito de ajudar a perceber quando é que um bebé é considerado prematuro e que cuidados são necessários assim que nasce e após a sua alta hospitalar, para que desenvolva de igual forma aos bebés que nascem a termo.

 “Nascer adiantado não significa ficar atrasado”

Bebé prematuro. O que é?

O bebé prematuro é aquele que nasce antes de completar 37 semanas de gestação, tanto por fatores maternos ou do próprio feto. Estudos revelam que 1 a cada 10 bebés nasce prematuro.
Durante o período pré-natal é possível detetar e controlar as causas maternas de trabalho de parto prematuro, diminuindo o risco para a mãe e o bebé. Apesar de todos os cuidados, a mãe pode entrar em trabalho de parto e não é possível evitar o nascimento prematuro.

Após o nascimento:
A seguir ao nascimento, o bebé prematuro necessita de maior atenção do pediatra.
Além do aquecimento, o bebé necessita de estabelecer uma respiração adequada, às vezes com auxílio de oxigénio. Muitas vezes, é preciso interná-lo em Unidades de Cuidados Intensivos.
Os principais cuidados durante o internamento:

  • Mantê-lo em incubadora ou berço aquecido para manter a sua temperatura corporal adequada;
  • Colocar oxigénio ou um aparelho para o auxiliar na respiração;
  • Instalar um soro na veia do bebé para fornecer líquidos, açúcar e outras substâncias necessárias;
  • Dar o leite da mãe por um tubo fino e macio, introduzido pela boca até o estômago do recém-nascido, enquanto não puder mamar no seio;
  • Colher amostras de sangue para realizar exames.

O período do internamento do bebé é difícil para os pais, mas eles precisam de estar próximos ao filho para que aprendam todos os cuidados necessários após a alta hospitalar.

Após a alta hospitalar:
É fundamental os bebés prematuros necessitarem de cuidados, sobretudo, até aos dois anos de idade.

  • Levar o bebé ao pediatra para avaliar a sua saúde e o aumento do peso.
  • Nas primeiras semanas, os bebés prematuros precisam de mamar 8 a 10 vezes por dia.
  • Bebés prematuros podem bolçar após a alimentação. Apesar de ser normal, deve ser certificado que o bebé está a ganhar peso.
  • Conversar com o médico sobre a alimentação, uma vez que ele pode recomendar vitaminas (como o ferro) e outros nutrientes.
  • Os bebés prematuros dormem mais horas por dia, mas por períodos mais curtos de tempo;
  • As vacinas são dadas aos bebés prematuros na mesma idade que são dadas aos bebés de termo.

Estes cuidados são fundamentais para que o bebé prematuro possa crescer e se desenvolver adequadamente, atingindo nos primeiros 2 a 3 anos, o peso, a altura e o desenvolvimento neurológico das crianças que nasceram a termo.

Sabia que existem prematuros famosos?

Anna Pavlova – Bailarina: Nasceu prematura em 1881
Stevie Wonder – Cantor: Nasceu prematuro em 1950
Isaac Newton – Físico e Matemático: Nasceu prematuro em 1643
Albert Einstein – Físico: Nasceu prematuro em 1879

Caso necessite de esclarecer algumas das suas dúvidas, poderá marcar uma consulta com a Drª Flávia!

Neurovagos, a sua saúde é a nossa prioridade!